quinta-feira, abril 10, 2008

Não quero dormir.

Eu preciso, mas não quero. E agora?

0 Comentários:

Postar um comentário